Tem histórias que nos fazem pensar: aquela pessoa estava no lugar certo, na hora certa. E é assim mesmo que acontece. Tem pessoas que, independente de onde estejam, estão dispostas a ajudar e fazer pelo outro. Foi o que aconteceu com Jessica Rudeen.

Tudo começou logo que ela entrou no avião com a filha Caroline, de três anos, e seu bebê, Alexander. Na pressa de embarcar, ela acabou não conseguiu amamenta-lo e, logo que eles afivelaram os cintos, ele começou a chorar.

Na mesma hora, Caroline engrossou o coro do pequeno e também começou a chorar, chutando o assento da frente e querendo sair do avião: “Eu sinceramente pensei que seríamos expulsos do avião” – disse ela, segundo Razões para Acreditar.

Créditos: Reprodução/Facebook

Essa história é daquelas que nos fazem acreditar nas pessoas e no amor <3

Mas afinal de contas: que mãe nunca passou por uma situação como esta? Essa é a maternidade real, cheia de perrengues, dificuldades, desafios e superações. Só que nem sempre as outras pessoas são compreensivas.

Jessica teve a sorte de sentar ao lado de Todd, um senhor que, em vez de reclamar do choro de seus filhos, a ajudou. Enquanto tentava acalmar a mais velha, colocando um filme no tablet, ele segurou Alexander no colo.

Depois de contornada a situação, ela voltou a pegar o mais novo no colo e conseguiu, enfim, dar de mamar. O vizinho continuou ajudando, e passou o voo inteiro interagindo com Caroline. “Eu não tenho certeza se ele percebeu, mas ela deu um beijo em seu ombro enquanto eles observavam pela janela”.

E não parou por aí. Depois eles descobriram que fariam o mesmo voo de conexão. Todd foi até o balcão de embarque e pediu para que mudassem seu assento de lugar, para que ele pudesse sentar ao lado deles e ajudá-los, caso precisassem.

Créditos: Reprodução/Facebook

O senhor não só ajudou a mulher durante o voo como pediu no balcão da companhia que pudesse se sentar com ela novamente na conexão.

“Esse cara, Todd, me mostrou gentileza e compaixão que eu nunca conheci de outra pessoa. Sua esposa, ele disse, teve uma experiência semelhante quando seus dois filhos eram jovens e um estranho mostrou a mesma gentileza”, afirmou a mãe, agradecida.

Assim que chegou em casa, Jessica fez uma postagem em suas redes sociais, que acabou viralizando e chegando nas mãos da esposa do de Todd, que já entrou em contato. Assim, surgiu uma amizade. Não é lindo?

Leia mais:

Mãe é expulsa de seu lugar no avião por conta do choro da filha

Guy, 2 anos, fez sucesso cumprimentando os passageiros do avião

Férias com crianças: dicas para viajar de ônibus, carro e avião