Temos falado bastante aqui sobre educação emocional e sobre permitir às crianças que conheçam seus sentimentos e lidem com eles de forma construtiva. No meio dessa pauta, o blog Criando com Apego fez um post bem interessante sobre o assunto.

A publicação destaca que, enquanto pais, temos essa missão de ajudar as crianças a reconhecerem suas emoções e aprenderem a controlá-las.

Como instrumento desse processo de aprendizagem, eles trouxeram a proposta de jogos, defendendo que, por meio de uma simples brincadeira, os pequenos podem aprender muito mais rápido.

Confira abaixo algumas opções de jogos que podem estimular a consciência emocional dos seus filhos:

  • Rosto móvel

Essa é uma manualidade muito bonita e, ao mesmo tempo, simples. As diferentes partes do rosto (sombrancelhas, olhos, nariz e boca) se movem, podendo ser colocadas de diferentes maneiras, denotando, portanto, diferentes emoções.

Créditos: Reprodução/Criando com Apego

Nesse jogo, que funciona como uma roleta, a criança vai identificando as diversas emoções.

  • Dar expressões aos rostos

A partir de imagens de rostos sem expressões, as crianças devem desenhar as expressões que as emoções geram.

Créditos: Reprodução/Criando com Apego

Nessa brincadeira, as crianças conduzem e atribuem os sentimentos.

  • Quebra-cabeça das emoções

Desenhe rostos com diferentes expressões. Corte-os pela metade para que depois as crianças possam formar diferentes caras que representem as diferentes emoções, simplesmente combinando as peças.

Créditos: Reprodução/Criando com Apego

Por meio de brincadeiras, é possível trabalhar o desenvolvimento emocional dos pequenos.

Para conferir o post na íntegra e conhecer outras ideias, clique aqui.

Leia mais:

'A escola não ajuda a crescer emocionalmente', diz psicóloga

Jogo dos Balões trabalha a inteligência emocional da criança