Grávida de sua primeira filha, a atriz global Carol Castro compartilhou nesse final de semana imagens uma foto em sua conta de Instagram contando que está tomando sol nos seios diariamente por alguns minutos para se preparar para a amamentação e prevenir as temidas rachaduras nos mamilos.

sol_nos_seios

Créditos: reprodução Instagram

"Faz parte desse momento mágico, se preparar para receber a maior dádiva de todas que é amamentar...", diz ela na legenda da imagem

Afinal, tomar sol nos seios é uma prática realmente eficaz para prevenir e minimizar as fissuras?

A publicação do Ministério da Saúde "Saúde materna e Alimentação complementar" aponta a exposição dos seios ao sol -ou à luz artificial de uma lâmpada de 40 watts a uma distância de 30 cm- como uma prática não recomendada para tratar fissuras e machucados nos seios: "Tratamento seco de lesões mamilares (banho de luz, banho de sol, secador de cabelo), bastante popular nas últimas décadas, não tem sido mais recomendado porque acredita-se que a cicatrização de feridas é mais eficiente se as camadas internas da epiderme (expostas pela lesão) se mantiverem úmidas".

sol_nos_seios

Créditos: Shutterstock

Fissura ou rachaduras nos mamilos pode ser um sintoma da pega errada do bebê.

O Grupo Virtual de Amamentação, em post em seu blog, explica que as rachaduras são uma consequência da pega errada do bebê, e não são causadas por uma suposta sensibilidade da mama. Portanto, a exposição dos seios ao sol durante a gestação não faria sentido.