Queridinho das crianças, o grupo Tiquequê está há 16 anos na estrada, pesquisando e explorando o imaginário infantil. No dia 16 de setembro (sábado), o grupo se apresenta no Teatro Bradesco, em São Paulo.

"Barulhinho, barulhão" é um espetáculo repleto de músicas inéditas e muitos estímulos sensoriais visuais. Os ingressos já estão disponíveis no Ingresso Rápido, a partir de R$ 30 (até R$ 120). Garanta o seu e saiba mais sobre o show.

Múltiplas linguagens em um único show

Uma tela branca, formada por tiras de tecido, onde se projeta um vídeo que mostra Bel, Diana e Wem, do grupo Tiquequê, vindo correndo lá de longe em direção ao público. Em dado momento, como se fosse mágica, os artistas saltam do vídeo e aparecem realmente no palco. Assim inicia o novo show do Tiquequê, que marca a maturidade artística construída pelo grupo ao longo de 16 anos de carreira.

A mágica, aliás, é um elemento que percorre o espetáculo. Mas não aquela dos truques de ilusionismo circense. Trata-se, na verdade, do efeito mágico da transformação de elementos muito simples em efeitos estéticos incríveis, através de movimentos milimetricamente pensados e ensaiados, que se combinam em coreografias sincronizadas e cheias de detalhes, que já são marcas do Tiquequê. Às vezes o movimento é resultado da percussão corporal; em outras, de coreografias mais dançadas.

Créditos: Nina Jacobi Flare/Divulgação

A proposta do Tiquequê é apresentar, em seus espetáculos, uma mistura de linguagens expressivas, em uma integração criativa de música, teatro, narração de histórias, dança e brincadeiras.

No show, o trio do Tiquequê é acompanhado por dois músicos convidados, que complementam os arranjos com violão, baixo, guitarra e bateria. O cenário é a base para as projeções, que dialogam com os movimentos do grupo. Os figurinos trazem um visual bastante inovador e moderno, diferente do que costumeiramente se considera infantil.

As canções que comunicam diretamente com as crianças, ao abordar temas singelos do dia-a-dia, como o momento de comer, de mamar, de se vestir, a relação com os pais, as brincadeiras, as criações infantis. O resultado é um olhar original para os diversos assuntos que circulam na vida da criança, sem cair em estereótipos ou moralismos.

O repertório é formado por composições inéditas e algumas já bastante conhecidas, como Trava-Língua, Quero Começar, Nasceu Mamãe e Dente Mole. Juntam-se a essas, releituras de músicas e brincadeiras do cancioneiro infantil (Adoletá, Caranguejo não é peixe e Pirulito que bate bate).

Leia mais:

'Festival de Rock for Kids' terá Beatles, Ozzy, KISS e muito mais

Frida, Malala e Cora Coralina inspiram contação infantil gratuita

Slingada gratuita ensina pais e mães a carregar as crias no sling

Tiquequê - Barulhinho, barulhão

16 Set

Sáb 16/09  às 15:00 

Teatro Bradesco
Rua Turiassu, 2100 Perdizes São Paulo - SP (11) 3670.4100
De R$ 30 a R$ 120
add Google Agenda