Para ampliar o entendimento sobre a influência e a riqueza da cultura africana e traduzi-las para o dia a dia das pessoas, a Coleção Afreaka - África sem estereótipos, formada por 4 livros, percorreu 15  países do continente africano, buscando estabelecer diálogos entre a cultura brasileira e as produções culturais da África contemporânea. O resultado é um compilado de artigos, entrevistas e materiais pedagógicos que podem ser usados dentro e fora da sala de aula com as crianças e os jovens.

A publicação será lançada no dia 13 de fevereiro, na Galeria Olido, em um evento gratuito intervenção gastronômica com Surama Caggiano e apresentação musical da cantora Ericah Azeviche. Clique aqui para confirmar presença e acompanhar as novidades do lançamento.

A coleção

Volume 1 - Mídia, Literatura, Arte, Grandes Impérios e Identidade

Volume 2 - Línguas, Autenticidade, Sustentabilidade, Tecnologia e Filosofia

Volume 3 - Grafite, Sociedades Tradicionais, Música, Dança e Grandes Cidades

Volume 4 - África nas Escolas - sugestão de atividades e exercícios para sala de aula.

A coleção é indicada para alunos, professores e multiplicadores da educação. Mas também quer atingir o público em geral e despertar o interesse pelas raízes da identidade brasileira.

Créditos: Divulgação/Afreaka

A coleção é indicada para alunos, professores e multiplicadores da educação. Mas também quer atingir o público em geral e despertar o interesse pelas raízes da identidade brasileira.

Por mais África na sala de aula

O projeto surgiu com o intuito de reforçar a presença simbólica das influência de matriz africana e reforçar a importância da Lei 10.639/03, que obriga o ensino da história e da cultura afro-brasileira nas escolas, e que até hoje não foi implementada de maneira integral.

Um dos três pilares de atuação da iniciativa Afreaka é a educação. Nesta área, foi criado, em 2014, o projeto "África nas Escolas: Uma Abordagem Sem Estereótipos", que englobava cursos, formações de professores e criação de conteúdo didático.

O projeto é resultado de uma viagem por 15 países da África, e deu origem a uma coletânea de conteúdos educativos multidisciplinares.

Créditos: Jjumba Martin, Fotógrafo de Uganda

O projeto é resultado de uma viagem por 15 países da África, e deu origem a uma coletânea de conteúdos educativos multidisciplinares.

A coleção impressa que será lançada agora é uma versão ampliada e atualizada da proposta formativa nas escolas. Viabilizada pelo edital Proac Publicações Culturais, a coleção será distribuída gratuitamente em 1.800 escolas públicas e instituições culturais de todo o Estado.

O material reúne mais de 40 reportagens, artigos, entrevistas e um vasto material de imagens que ilustra um continente protagonista, inovador e sócio-culturalmente ativo. .

“Tentamos, a todo momento, mostrar a história contada pelos próprios africanos, suas próprias versões. Nas viagens de apuração, tivemos o objetivo de romper estereótipos, mas não imaginávamos que seria tão fácil nesse sentido. São tantas iniciativas inovadoras, artistas geniais e movimentos descolados que tínhamos que selecionar sobre o que falaríamos de acordo com o tempo disponível”, conta a co-idealizadora do projeto e diretora do Afreaka Flora Pereira,  que atua em conjunto com o designer Natan de Aquino.

Para quem quiser se aprofundar no assunto, o site da Afreaka disponibiliza mais de 1000 materiais, entre  reportagens, fotos, vídeos e ilustrações. Clique aqui para acessar.  No site - e também no dia do evento - é possível também adquirir os livros da coleção, que estará à venda por R$ 50, incluindo os quatro volumes.

 Leia mais:

Lançamento da Coleção 'Afreaka - África sem estereótipos'

13 Fev

Seg 13/02  às 18:30 

Cine Olido
Avenida São João, 473 Centro São Paulo - SP (11) 3331-8399
Estação República (Metrô - Linha 3 Vermelha e Linha 4 Amarela)
Catraca Livre
add Google Agenda