Entre os dias 26 de julho e 16 de agosto, o Instituto Tomie Ohtake, em Pinheiros, vai realizar a atividade "No Colo - Invenções da mulher moderna para além de Anita e Tarsila".

O projeto No Colo faz parte do programa "Manhãs de história", do Núcleo de Cultura e participação espaço, e desta vez terá como tema o universo artístico dessas duas artistas que marcaram o movimento modernista: Anita Malfatti e Tarsila do Amaral.

A proposta é reunir bebês e famílias para um encontro sensorial em que serão exploradas as possibilidades das exposições em cartaz no Instituto. No Colo é planejado e realizado a partir de alguns pressupostos, são eles: a relação entre mães, pais e bebês; a multissensorialidade; a inter-relação entre exposição, mediação e oficina e a potência pedagógica dos espaços e materiais.

Créditos: Divulgação/Instituto Tomie Ohtake

Este outro espaço de relação criado para as famílias convida para um desvio das ações cotidianas e oferece aos pais e mães a possibilidade de mediar as produções artísticas expostas e aquelas a serem realizadas pelos próprios bebês.

Conhecer as pinturas a fundo, olhar nos olhos, ver a mãe, refletir sua imagem e desenhá-la sobre espelhos serão alguns dos convites da atividade aos participantes.

O encontro é gratuito e recomendado para bebês a partir de 18 meses, que estejam acompanhados de um ou mais adultos. As inscrições devem ser feitas pelo site.

Sessões:

26 de julho, quarta-feira, às 14h30
05 de agosto, sábado, às 10h30 e 14h30
12 de agosto, sábado, às 10h30 e 14h30
16 de agosto, quarta-feira, às 14h30

 

  • Sobre o projeto - Voltado para mães e pais que veem seu cotidiano transformado com a chegada de seus bebês e buscam espaços de convivência que transmitam segurança e conforto. Neste sentido, um espaço de arte e cultura como o Instituto Tomie Ohtake torna-se um ambiente de encontro entre pares que passam pelos mesmos desafios que chegam junto com a maternidade e a paternidade. As atividades com bebês nos espaços de arte e cultura trazem contribuições para a sociedade nos campos da educação da primeira infância e das relações interpessoais. Entendendo a Educação Infantil como indissociável da arte, as instituições culturais podem potencializar seu papel de laboratório de experiências artísticas com foco nos professores de creches e escolas e para os próprios bebês que as frequentam.

Diana Tubenchlak consultora em arte educação e idealizadora do "No Colo", escreve sobre as experiências com crianças de até 18 meses nas exposições do Instituto Tomie Ohtake, os pressupostos levados em consideração no planejamento das atividades, como a multissensorialidade e a criação de espaços e materiais que convidem à experiência, e o envolvimento de professores e familiares na inclusão de diferentes públicos.

O programa "No colo", parte das atividades do projeto Manhãs de história do Núcleo de Cultura e participação, tem como intuito a inclusão de crianças de até 18 meses e seus familiares nas atividades culturais do Instituto Tomie Ohtake. Além disso, está no bojo do programa a inserção desse público em outros espaços de arte e cultura por meio da formação de professores de creches e escolas, educadores e outros profissionais que atuem na educação infantil.

Leia mais:

"No Colo" - Invenções da Mulher Moderna, para além de Anita e Tarsila.

26 Jul
a
16 Ago

De 26/07 a 16/08:   Quartas e  Sábados das 10:30 às 14:30

Instituto Tomie Ohtake
Rua dos Coropés, 88 Pinheiros São Paulo - SP (11) 2245-1900
Estação Faria Lima ViaQuatro
Catraca Livre
add Google Agenda